terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Parabéns ao Mazembe


Time do centro da África desbanca colorado e parte para a inédita conquista

Como todos sabem o continente africano sempre foi conhecido pelas guerras, fome, genocídio e a extrema corrupção que torna poucos ricos e muitos miseráveis.

Em 2010 a África (especialmente a África do Sul) esteve na mídia, ao menos entre os meses de maio e julho, nem tanto pela qualidade do futebol, mas pelo fato de sediar o primeiro mundial de seleções no continente.

No outro mundial, o de clubes agora, os africanos eram meros participantes até desbancarem o favorito Pachuca, do México. O maior feito do ano para os congoleses estava feito e semi-final seria com o Internacional de Porto Alegre seria somente para garantir os colorados na final. Isso é o que todos acreditavam, menos o “TODO PODEROSO MAZEMBE”.

Na partida de hoje desbancaram mais um favorito e, ao vencerem os brazucas por 2 tentos à 0, estão classificados para a final e vão representar o continente africano com chances de se tornarem os melhores do mundo.

No continente do “BIG FIVE” (búfalo, elefante, leão, leopardo e rinoceronte) prevaleceu a garra, força e perseverança da ZEBRA, que tem as mesmas cores do uniforme do time.

Aliás, se a ZEBRA decidir aprontar mais alguma não será no jogo de amanhã, mas sim na final. Quem sabe os coreanos do Seongnam resolvem utilizar as lutas marciais para vencer a batalha?

Se isso acontecer teremos uma final de mundial de clubes entre asiáticos e africanos, coreanos contra congoleses. Seria uma ironia ou o “BRIC” do futebol?

Um comentário:

Alexandre Souza disse...

Talvez os mais novos não se lembrem. Inter de Limeira, campeã Paulista de 1986, desbanacando to do poderoso Palmeiras em pleno Morumbi. Qualquer semelhança seria mera coincidência.....