quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Celso Russomanno: Aqui Agora!!!

Nada de novo para a capital paulista. Ou seja, os candidatos são mais-do-mesmo

Por Thiago Marcondes

A corrida para prefeito da cidade de São Paulo começou há algum tempo e os 02 candidatos mais cotados nas pesquisas, até o momento, são José Serra do P.S.D.B (Partido da Social Democracia Brasileira) e Celso Russomanno do P.R.B. (Partido Republicano Brasileiro). O candidato do P.T. (Partido dos Trabalhadores) corre por fora na disputa e provavelmente não chegará ao segundo turno das eleições.

Todos os 03 candidatos dizem ser "o novo" para a cidade apesar de suas propostas de governo não existir nada de novidade ou revolucionário para melhorar a saúde, educação, moradia, transporte público e a mobilidade urbana como um todo.

Serra está em segundo lugar nas pesquisas e diz ser "o novo" também, mas tem o apoio de Kassab que flertou com o P.T. e tem rejeição por grande parte do eleitorado paulista. Haddad vem com a sombra de Lula e, até o momento, não emplacou sua campanha. Está em terceiro nas disputa e bem longe de alcançar os 27% do tucano.

Russomano, apesar de não ter nada de novidade para o povo, lidera as pesquisas e pode surgir como o novo prefeito de São Paulo. Famoso por defender o direito do consumidor, ele tinha um programa na Record e sua imagem estava em evidência na televisão. Sua figura é conhecida na periferia e em suas aparições na T.V. chegou a entrar em lojas para reclamar que o preço não estava na vitrine e, também, pedir que uma loja entregasse o sofá comprado por um cliente.

A campanha do P.R.B, junto com Russomanno, parece não querer agredir os adversários, mas indiretamente eles se aproveitam do momento político de partidos como P.T. e P.S.D.B. O primeiro está envolvido em escândalos de corrupção e o julgamento do mensalão o fez cair em descrédito com a população. O segundo, por conta das brigas políticas internas e a falta de confiança da população porque em eleições anteriores não cumpriu os mandados, parece não ter alçado vôos mais altos.

Ainda é cedo para saber quem realmente será o prefeito de São Paulo, mas projeções podem indicar como será a próxima gestão na cidade. A única certeza é que se Russomano ganhar com certeza ele irá falar a seguinte frase após uma negociação bem sucedida entre oposição e base aliada: "Estando bom para ambas as partes, Celso Russomanno: Aqui Agora".

Thiago Marcondes é Jornalista