terça-feira, 11 de junho de 2013

Pacientes podem (e devem) reclamar de mal atendimento em hospitais

Reclamações sobre o atendimento do S.U.S. e dos convênios podem ser feitas através de canal de ouvidoria
 
Por Thiago Marcondes
 
Falar da saúde, atendimento médico, hospitais, ambulatórios, S.U.S. (Sistema Único de Saúde) e convênio pode ser um clichê, pois no dia-a-dia praticamente toda a população discute sobre o tema e sempre tem reclamações e, às vezes, sugestões em relação aos serviços prestados.
 
Os políticos, no geral, são os alvos prediletos e os culpados por todos os problemas nos hospitais, sejam de âmbito municipal, estadual, federal e, por incrível que pareça, até nos particulares. Afinal de contas, se o governo prestasse serviços saúde que atendesse toda a população com agilidade e qualidade, talvez os hospitais privados sequer existiriam.
 
Votar conscientemente ajuda, mas se ninguém escutar as reclamações não há como mensurar e melhorar a situação da saúde no país. Poucos sabem da existência de um canal de comunicação onde a população pode reclamar sobre os serviços prestados pelo S.U.S. e convênios, mas ele existe e a população deve utilizá-lo sempre que necessário.
 
O Ministério da Saúde, desde 2011, disponibilizou o número 136 para o cidadão ter acesso à Ouvidoria e poder reclamar (ou dar sugestões) sobre os atendimentos S.U.S. realizados no Brasil inteiro. O serviço já existia, mas o número antigo (0800-61-1997) foi alterado para três dígitos com intuito de facilitar a memorização e aumentar o uso desta ferramenta.
 
Para quem está insatisfeito com os serviços dos convênios e sabem que não adianta reclamar com as operadores a ANS (Agência Nacional de Saúde Suplementar) tem o DISQUE ANS e através do 0800-701-9656 há possibilidade informar os problemas e com grandes chances de solução.
 
Thiago Marcondes é pós-graduando em Gestão de Projetos

Um comentário:

Unknown disse...

Alguem jah tentou ligar para esses telefones para fazer alguma reclamacao??
Vou fazer uma tentativa depois volto a postar o resultado.
Mas jah sei que nao vou ser atendido pois nenhum telefone de reclamacao do governo costuma funcionar...
Tomara que eu esteja errado...